sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Tarô Místico – O Diabo

 O Diabo



Este é o décimo quinto Arcano Maior, aquele que vem trazer a tentação. 
O diabo traz o mundo dos prazeres, para permitir que se faça uma escolha entre o bem e o mal.

O desenho da carta mostra um homem sobrenatural, com chifres e uma estrela de cinco pontas invertida na testa; é um anjo caído, talvez. 
Ele mantém um casal cativo, pois amarra e limita aqueles que cedem às suas tentações; é este o simbolismo das correntes.

Este Arcano mostra que o grande teste da alma é entre o exterior e o interior. 
Podemos ver nesta carta o mesmo casal da carta dos Namorados; é a representação da escolha equivocada.

A influência deste Arcano traz confusão e a desordem. 

O Diabo usa a sedução, gerando atração pelo que é fácil; ele usa de artifícios como dinheiro, amor, beleza e poder para amarrar suas presas.

Numa interpretação objetiva e prática, o Diabo significa uma confusão na vida da pessoa, cuja causa é ter cedido à tentação. 

Numa interpretação subjetiva, o Diabo é sinal de uma influência espiritual negativa, que afeta a vida, energia esta que provém de seres encarnados ou não. 

Na caminhada espiritual, este Arcano representa o momento em que o caminhante é submetido a um teste, precisando escolher entre o bem e o mal. 
Ele pode estar no momento em que terá que enfrentar o maior inimigo de sua alma.

  • As Sete Palavras-Chave: tentação, escolha, teste, sedução, obsessão espiritual, inimigo, confusão. 
  • No Amor: será seduzido; faz uma escolha equivocada, não consegue enxergar os defeitos de quem ama. 
  • Na Saúde: há fragilidade no plano espiritual, é um estado confuso, o médico não encontra as causas da doença, um mal que vem e desaparece sem explicação. 
  • No Dinheiro: será enganado, pode estar sendo roubado, mas está facilitando a vida do ladrão, um enganador convence-o a fazer um péssimo negócio. 
  • Aspecto Negativo: os aspectos negativos são os conceitos do próprio Arcano: a sedução, o mal, o roubo, o engodo, a confusão.



Lucia


Extraído de:
Tarô Místico – Celina Fioravanti, Editora Pensamento.

Fonte primordial:
hospedado no 4shared.com por pehemaas-br.blogspot.com

Imagem:
comprazen.com.br

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Previsões pela Mandala Astrológica

Sugestão de como interpretar a Mandala Astrológica.

Neste jogo em especial, são tiradas 3 cartas para cada Casa.
Sendo:
- 12 cartas de Arcanos Maiores, depois
- 12 cartas de Arcanos Menores, e
- outra vez 12 cartas de Arcanos Menores.

Se preferir:
- Use o baralho todo misturado e retire 1, 2 ou 3 cartas por Casa.
- Use apenas os Arcanos Maiores, sendo 1 por Casa.
- Use aos pares, 1 Arcano Maior e 1 Arcano Menor por Casa.

Mentalize a Casa específica (tudo que corresponde a ela) antes de tirar cada carta.


Informações para a consulta:
Sobre o consultado:
O consulente é um homem de cerca de quarenta anos, trabalhando na publicidade, divorciado e com um filho (que não está sob a sua responsabilidade).


O Jogo:


 A consulta:

Casa I - Mago / 8 de Paus / Pajem de Ouros
Sublinharemos o livre-arbítrio do consulente. O Mago indica que terá boas possibilidades em todos os domínios e que tem a vantagem de tomar iniciativas. Um impulso vital permitirá concluir com êxito os seus negócios, sobretudo os que forem feitos legalmente (Papa na Casa X). Transformações de negócios, diligências a efetuar (significado do 8 de Paus) tenderão a fazer evoluir no bom sentido os seus assuntos, com aumento de fortuna (Pajem de Ouros). Será concedida uma grande liberdade (sentido do Mago). Siga em frente em todos os domínios.

Casa II - Enamorado / Pajem de Paus / 4 de Espadas
Esta casa, que se refere aos bens e às finanças, revela-se favorável. O Enamorado concede lucros nos contratos (sem dúvida, os seus clientes publicitários), num sentido de simpatia mútua. Poderá experimentar certa hesitação neste domínio financeiro, recuar perante projetos de independência, que, no entanto, lhe seriam favoráveis (o Mago na Casa I), mas o conjunto é bom. Face ao Enamorado, a Imperatriz (Casa VIII) acentua o movimento dos ganhos. Tudo o que se relaciona com viagens, determinado possivelmente por um mensageiro (Pajem de Paus), culminará num estabilização (significado do 4 de Espadas), com o fim das lutas e aborrecimentos. Se houver divergências com outros, os mensageiros e as entrevistas permitirão chegar a acordo (o Enamorado).

Casa III - Justiça / 6 de Espadas / 10 de Espadas
Esta carta representa um princípio de austeridade, que poderia ter um significado decisivo e hostil. O Eremita, à sua frente (Casa IX), dirige os seus influxos com sabedoria, em benefício, provável, do consulente. Além disso, a Estrela na Casa VII, é  favorável às suas relações com outros. Contudo, muitas cartas de Espadas dão origem a pequenos dissabores (se as cartas Maiores forem boas, poderá triunfar). Com o 6 de Espadas são de prever aborrecimentos de fraca amplitude, e o 10 de Espadas, que se segue, permite um triunfo pela vontade. Sem dúvida serão propostos contratos e acordos com outros.

Casa IV - Roda da Fortuna / 8 de Ouros / Cavaleiro de Espadas
Naturalmente, deve conceder-se mais importância às casas ditas "angulares" e, por ordem de força, à X, à I, à VII e à IV. As cartas maléficas nesta parte do tema (ou seja nos "ângulos") originam acontecimentos difíceis.
A Roda da Fortuna implica aqui um movimento rápido e alterações no domínio familiar. É também possível mudança de residência. O 8 de Ouros nesta casa significa transformações da vida financeira e o Cavaleiro de Espadas simboliza a rapidez desta modificação. Subentende lutas e a utilização de grande energia. No entanto, os resultados não podem senão determinar uma melhoria: qualquer que seja o modo como as coisas se modificarem, haverá sempre um benefício para o consulente. A carta oposta (o Papa na Casa X) é, na verdade, uma das mais felizes.

Casa V - Carro / 5 de Copas / 2 de Ouros
Esta carta, de amor e de triunfo, associa-se muito bem à que lhe fica em frente (a Lua na Casa XI); afigura-se um possível encontro amoroso, em consequência de uma viagem, uma deslocação, etc. Para a vida sentimental abre-se um período feliz. Nesta casa de crescimento, de expansão, de nascimento, que constitui o coração do jogo, o 5 de Copas encontra-se no seu lugar próprio, culminado numa renovação sentimental, uma ligação feliz. Contudo, o 2 de Ouros implica que o consulente terá de fazer face a problemas de dinheiro. Jogos, férias, viagens, etc., serão fonte de despesas.
O prognóstico continua, no entanto, muito favorável.

Casa VI - Pendurado / 9 de Copas / 4 de Copas
Esta carta encerra diversos significados, mas todos, quer se trata de trabalho ou de saúde, não são bons. Este fato é ainda agravado pela carta que lhe está em frente (a Morte na Casa XII). O consulente poderá romper, abruptamente, um trabalho ou um contrato, por exemplo, com a entidade patronal do momento. O quadro geral do jogo (com o Mago na Casa I e o Papa na X) mostra, de resto, que teria interesse em criar algo para si mesmo. No plano do trabalho haverá, portanto, ruptura. No domínio da saúde, esgotamento, fadiga e abatimento por nervosismo excessivo. O 9 e o 4 de Copas significam, juntamente com o Pendurado, que haverá ruptura de uma afeição no trabalho (mulher encontrada por causa da profissão). A Morte, em frente, na Casa XII, implica que esta separação será definitiva.

Casa VII - Estrela / 8 de Espadas / Rei de Ouros

Um risco para a saúde (o 8 de Espadas) ou contestação financeira, mas a Estrela permitirá ao consulente triunfar. É uma carta que adoça e melhora as suas relações com os outros. Os empreendimentos serão protegidos (o Mago em frente, na Casa I). A independência e o espírito de iniciativa serão encorajados.

Casa VIII - Imperatriz / Ás de Paus / 6 de Copas
Cartas muito limitativas, nomeadamente no que se refere ao amor (6 de Copas), levarão o consulente a modificar sua vida sentimental, as relações com as mulheres nesse domínio (significado da Casa VIII: metamorfose). Influência de uma carta (Imperatriz) na vida financeira. Capitais alterados pela influência de uma mulher (Enamorado na Casa II).

Casa IX - Eremita / 7 de Espadas / 8 de Copas
Atraso em viagens importantes (Eremita) e possibilidade de luta (7 de Espadas), num caso sentimental, em transformação, que surge na vida do consulente como fator de perturbação (8 de Copas). Pode haver encontro com uma mulher casada, no estrangeiro (Eremita e Justiça no eixo III - IX), o das deslocações, sendo que a Justiça aqui significa união).

Casa X - Papa / Rei de Espadas / 7 de Copas
Esta Casa X é uma das mais felizes do jogo tirado. Protege o consulente. De um lado, o Rei de Espadas implica justiça, uma decisão forte e inapelável. Do outro, o Papa simboliza a fortuna e o lucro que o consulente saberá conseguir. É também a possibilidade de atos que poderão influenciar o futuro de forma importante. O 7 de Copas valoriza a vida sentimental e mostra uma afeição que se aproxima do consulente e poderá ser legalizada nos meses seguintes (significado do 7 de Copas). Verificar-se-à num espaço de tempo muito curto (Roda da Fortuna e Cavaleiro de Espadas face a esta Casa X, a do destino), novo equilíbrio (a Roda da Fortuna em frente).

Casa XI - Lua / 4 de Paus / Rainha de Paus
As amizades, sobretudo femininas (significado da Lua), serão favoráveis ao consulente. Terá - e aqui está outra confirmação - um encontro com uma mulher em viagem (o Carro oposto à Lua). Poderá tratar-se de uma estrangeira (sentido da Rainha de Paus), com a qual terá ocasião de fazer projetos para o futuro, desejando, talvez, construir algo (4 de Paus), projeto que será facilitado pelos acontecimentos (o Carro na Casa V).

Casa XII - Morte / 10 de Paus / Rei de Copas
As provas consistirão sobretudo no fim de um trabalho, de um período determinado, 
com possível ruptura com um amigo (Rei de Copas). A saúde está marcada com perdas nervosas. Clima de rupturas, mas o consulente possui vigor (Mago na Casa I), espírito de iniciativa, sorte (Estrela na Casa VII) e a proteção necessária (o Papa na Casa X) para, vitoriosamente, fazer face à situação.




Obs. A interpretação das cartas depende dos conceitos de cada profissional, mas no geral esta mandala está bem analisada, deixando dicas importantes como as Casas Angulares (eixo da mandala), as Casas Complementares ou Opostas. 
Também seria interessante analisar os Triângulos e as Casas Derivadas que são fabulosas.

* Veja em  « Métodos » 12 cartas - Leitura com a Manda Astrológica « com todos os Arcanos Maiores e a definição das Casas».




Lucia




Cartas e Destino - Hadés
Imagem Google

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Tarô de Marselha — O Diabo (Destino)

O Diabo (Destino)
O Arcano da Contra-inspiração e da Sedução.



Descrição da simbologia — O décimo quinto arcano simboliza as forças que trabalham a favor das ilusões: a regressão e a paralisação no fragmentado e descontínuo. 

O personagem central é representado de pé sobre um pedestal em forma de cálice, com asas semelhantes às dos morcegos, uma estranha touca da qual saem dois chifres de veado, mãos e pés simiescos, mostrando as costas da mão direita erguida, enquanto segura na esquerda uma espada sem punho. 
Parece ser macho, embora tenha seios desenvolvidos como os de uma mulher. 
Mais embaixo, um homem e uma mulher nus e com atributos animalescos estão, um de cada lado, presos a um aro que se encontra no centro do pedestal. 
O arcano todo representa as artes mágicas, em suas formas negativas, e as perversões.

Representação abstrata — A instintividade e os desejos, em todas as suas formas passionais, que aprisionam todos aqueles que se deixam dominar pelas ilusões materiais. 

No sentido positivo: destino, mistério, força maior, atrações secretas, magnetismo, ação mágica, capacidade taumatúrgica (Taumaturgo - Que ou aquele que faz milagres.), influências ocultas, sugestão, proteção contra encantamentos, dominação das massas, reservas de vitalidade, eletricidade vital na sua dupla polarização: ativa e passiva, eloquência. 

No sentido negativo: desordens; paixões, luxúrias, super-excitação, lubricidade; ignorância, intriga, amores desenfreados e ilícitos; problemas violentos, dependência dos sentidos, escravidão inconsciente, egoísmo, egocentrismo; triunfos conseguidos através de artimanhas, desrespeito aos sentimentos alheios, megalomania, histeria, maquinações, abuso da posição para fins pessoais, enlouquecimento, falta de moderação; emprego de meios ilícitos, bruxaria, malefícios, espíritos malignos, manobras criminosas; instintos grosseiros, maledicência destrutiva; debilidade, degeneração.

Interpretações divinatórias — As correntes de energia que provêm do Diabo não são propriamente satânicas, embora contra elas só mesmo um herói possa resistir. 
A predominância, entretanto, da matéria e das ilusões torna esta carta maléfica. 

No plano mental: muita atividade, mas totalmente egoísta; sagacidade e dom para solucionar enigmas; falta de preocupação com a justiça. 

No plano anímico: cego pelas paixões, o consulente perde a ligação com o plano espiritual; desrespeito pelo próximo; busca em todas as direções para atrair tudo. 

No plano físico: no domínio das realizações materiais e concretas, esta carta concede grande irradiação, embora os sucessos neste plano sejam obtidos por meios censuráveis; os delitos permanecerão na impunidade. 

No domínio afetivo: aproximação entre os sexos, cada um pensando só no seu prazer; paixões que cegam, acompanhadas das inevitáveis decepções; destruição ou conquista de um corpo por meios violentos. 

De maneira geral, as empresas a que se refere esta carta serão coroadas de êxito, mas, de acordo com as outras cartas, estes sucessos serão efêmeros e castigados. 
Recomenda-se transmutar os desejos e as paixões em energias voltadas para o conhecimento das próprias motivações interiores — autoexame.


RESUMO

Significado abstrato: não tem. 

Significado prático: triunfo obtido de maneira perniciosa, por intriga; fortuna ganha por meio de fraude; grande poder de uma pessoa sem escrúpulos, que provoca a destruição de outras para obter seu triunfo. Esta carta promete punição: o triunfo, além de temporário, será seguido de castigo. 

Em posição invertida: ação com intuitos maus, cujos efeitos, no entanto, são inofensivos. 

Moral: Raciocínio. 

Físico: Falta de fôlego, falta de energia.


Com as Cartas

  • IV (O Imperador): Antes do Imperador, ambas em posição normal: poder obtido pelo terror e desencadeamento das forças do mal. Após O Imperador, ambas em posição normal: pessoa com grande poder ameaçada de morte. Atenção: A figura do Imperador pode representar o consulente. 
  • V (O Sumo Sacerdote): Após o Sumo Sacerdote, ambas em posição normal: duas forças em oposição, em luta, sujeitas à influência das cartas que se seguem ao Diabo. Em posição normal, antes do Sumo Sacerdote em posição invertida: O Diabo exerce toda sua força maligna. 
  • VIII (A Justiça): Antes da Justiça, ambas em posição normal: falsa apreensão, traição. Após A Justiça, ambas em posição normal: infração da lei. Antes da Justiça, ambas em posição normal: ensinamentos ou doutrinas inofensivas. 
  • X (A Roda da Fortuna): Alternativas frustradas e satisfação. 
  • XVII (A Estrela): Antes da Estrela, ambas normais: combinação de significado abstrato, pois A Estrela exerce total influência sobre O Diabo, neutralizando-o. No plano físico, triunfo das emoções. Após A Estrela, ambas em posição normal: o mesmo significado. Após A Estrela, ambas invertidas: na vida prática, perda de algo muito belo por motivo de desequilíbrio. 
  • XX (O Julgamento): Curar sentimentos feridos pela razão. 
  • XXI (O Mundo): Um encontro com alguém. 
  • O Louco: Transação com negócio desonesto.





Lucia


Extraído de:
Tarô de Marselha – Revista Almanaque Planeta Tarô, 6ª Edição, Jul/1989.

Fonte primordial:
hospedado no 4shared.com por pehemaas-br.blogspot.com

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Destino e Tarô: Consulta de Tarot - Sabrina pergunta sobre gravide...

Destino e Tarô: Consulta de Tarot - Sabrina pergunta sobre gravide...: Consulta :  Sabrina quer saber se vai engravidar este ano (2016)? Vamos ver; Papa / 2 de Paus Previsão : Acredito que não. Não m...


Destino e Tarô: Consulta de Tarot - Caroline pergunta sobre sonhos...

Destino e Tarô: Consulta de Tarot - Caroline pergunta sobre sonhos...: Consulta : Caroline vem tendo alguns sonhos e intuições a respeito de um rapaz e quer saber se isso é verdade? Vamos ver; Pergunta : ...



Destino e Tarô: Symbolon - Desacordo

Destino e Tarô: Symbolon - Desacordo: 37 - Desacordo Astrologicamente :  Áries / Libra, Marte / Vênus Resumo :  Batalha dos sexos, choque, o machado de guerra. Signific...


terça-feira, 8 de novembro de 2016

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Tarô dos Orixás – Combinação / Oxumarê

Combinação / Oxumarê

É o segundo filho de Nanã e Oxalá. 
Como Nanã rejeitou Omolu, por castigo o segundo filho nasceu com o destino de ser, por metade do ano, uma linda jovem ligada ao arco-íris e, na outra metade, uma serpente.

Ligando o céu e a terra, é um mensageiro e criador, associado às mudanças e à gestação.

Oxumarê, a Combinação, é o auxiliar secreto que preside a síntese dos opostos nos conflitos.
Não se deixa apressar pela impaciência das partes, pois sabe que a ação lenta e persistente da água sobre a pedra produz o máximo efeito com o mínimo esforço. 

Por isso, diplomata nato, chega a ser tortuoso ao querer contornar os obstáculos. 
Ele diz para ter calma e esperar que as coisas fluam no seu ritmo natural; não é o momento de agir, mas de ter paciência para esperar que a confusão se esclareça, o velho se dissolva e o novo se forme.



Lucia


Extraído de:
Tarô dos Orixás –  Eneida Duarte Gaspar, Editora Pallas.

Fonte primordial:
hospedado no 4shared.com por pehemaas-br.blogspot.com

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Destino e Tarô: Symbolon - A Culpa

Destino e Tarô: Symbolon - A Culpa: 36 - A Culpa Astrologicamente :  Áries/Virgem, Marte/Mercúrio Resumo : O ato involuntário, agir de boa fé, projeção, relação vítima-cu...


terça-feira, 1 de novembro de 2016

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Selos